Início > Informações, Religião, Cristianismo, Montes Claros, Música, Vida Cristã, Gospel, Notícias, Mundo Cristão > Bispo Robinson Cavalcanti e esposa são enterrados no Morada da Paz

Bispo Robinson Cavalcanti e esposa são enterrados no Morada da Paz

Milhares de fiéis compareceram ao enterro

Em clima de muita comoção, o bispo Robinson Cavalcanti e a mulher dele, Miriam Nunes Machado Cotias Cavalcanti, foram sepultados no final da tarde desta quarta-feira (29). A cerimônia teve início por volta das 16h30, quando ocorreram algumas celebrações e pessoas cantaram em homenagem ao casal.

Os corpos foram enterrados por volta das 17h30, no cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. O velório ocorreu na terça (28), na Paróquia Anglicana Emanuel, na Praça Dantas Barreto, no Bairro Novo, em Olinda, Grande Recife, onde o bispo atuava.

A cerimônia foi conduzida pelos bispos auxiliares Evilásio Tenório e Flávio Adair. Eles ficarão responsáveis pela Igreja Anglicana até que uma eleição seja convocada para escolher o sucessor de dom Robinson.

A mãe de dom Robinson, dona Geruza, de 92 anos, veio de União dos Palmares, em Alagoas, para acompanhar o sepultamento do filho. A família preferiu poupá-la dos detalhes do crime, dizendo para ela que o casal morreu em consequência de um capotamento.

CASO – O bispo Robinson e Miriam foram mortos na noite do último domingo (29), dentro de casa. Vizinhos afirmam que viram através da janela Eduardo Olímpio Cotias Cavalcanti, filho do casal, segurando uma faca contra o pai enquanto Miriam se encontrava no chão, ensanguentada. Minutos depois, eles conseguiram arrombar a porta da residência, mas já era tarde para Robinson. Miriam chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

As testemunhas afirmaram que Eduardo aparentava estar drogado e que depois de cometer os crimes não tentou fugir, mas desferiu golpes de faca em si mesmo e teve que ser levado para o Hospital da Restauração (HR), no Centro do Recife.

ESTADO DE SAÚDE – Nesta quarta-feira (29), três dias depois do crime, Eduardo começou a recuperar a consciência. Após a alta médica, o suspeito será ouvido pela Polícia Civil e autuado em flagrante pelos homicídios. Devido ao ritmo da sua recuperação, Eduardo, que já consegue falar algumas palavras, pode ser liberado até a próxima sexta-feira (2).

Do NE10

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: