Início > Informações, Religião, Cristianismo, Montes Claros, Música, Vida Cristã, Gospel, Notícias, Mundo Cristão > Ladrão “evangélico” se arrepende e deixa bilhete, escrito à mão, pedindo desculpas

Ladrão “evangélico” se arrepende e deixa bilhete, escrito à mão, pedindo desculpas

“Sou evangélico e conheço as leis de Deus”: Ladrão arrependido devolve dinheiro e se desculpa em carta em Tatuí (SP)

 

Bilhete de ladrão (Foto: Divulgação)

Um caso inusitado de furto aconteceu na cidade de Tatuí(SP). Um ladrão, que ainda não foi identificado, invadiu uma casa no momento em que não havia ninguém e levou dois envelopes com R$ 400. Mas, o que ele fez depois é que chamou a atenção da polícia: o suspeito se arrependeu e voltou para devolver parte do dinheiro.

De acordo com a polícia, o homem conseguiu abrir a janela do quarto do casal com uma chave de fenda e encontrou os dois envelopes com o dinheiro no criado mudo, ao lado da cama. Segundo o proprietário da residência, o dinheiro que estava na casa havia sido separado para pagar contas, entre elas, o aluguel e gastos com a reforma da casa.

Dias após o furto,  a vítima foi surpreendida com um envelope deixado na porta com parte do dinheiro furtado. No envelope, estavam R$ 250. Além do dinheiro, o ladrão ainda deixou uma carta, escrita à mão, se justificando e pedindo desculpas ao morador.

Ele escreveu que cometeu o crime porque está desempregado, mas que estava arrependido. O criminoso justificou ainda que devolveu parte porque “é evangélico e conhece as leis de Deus”. O ladrão arrependido ainda deixou uma dica de segurança para o proprietário. Ele sugere que a vítima coloque cadeados nas janelas, o que já foi providenciado pelo dono da casa.

A vítima conta que quando começou a ler a carta, achou que fosse brincadeira. Ele anexou o papel junto ao boletim de ocorrência registrado na delegacia da cidade. Apesar da atitude do ladrão, o delegado Alexandre Andreucci, que investiga o caso, conta que a devolução do dinheiro não diminui a pena. “O suspeito pode pegar de dois a oito anos de prisão”.

O delegado ainda diz que a situação é inédita na cidade. “Em 20 anos de polícia, nunca vi o registro de uma ocorrência assim”. O caso foi divulgado pela polícia nesta semana.

Publicado originalmente no G1

Foto: Jornal O Progresso de Tatuí

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: