Arquivo

Archive for novembro \30\UTC 2012

Datena e a menina-fantasma: quando realidade e espetáculo se misturam

 

Dois fatos marcaram a TV brasileira esta semana, ganhando sobrevida na internet e até mesmo repercussão internacional. O curioso é que em ambos houve uma mistura de realidade e espetáculo, tanto que ficou difícil dizer onde acabava uma e começava o outro.

O primeiro fato foi a “pegadinha da menina fantasma”, um desses lances fortuitos que de vez em quando jogam o SBT para o topo dos índices da audiência.

Exibida por Silvio Santos em seu programa no domingo passado, a pegadinha logo se transformou em hit global, ganhando legendas em várias línguas e milhões de acessos na rede. Também gerou uma discussão: será que não passou de uma armação?

Pelo que dá para perceber pelo próprio vídeo –e também pelas notícias que foram aflorando ao longo da semana– foi uma meia armação. O saguão do tal do prédio tem a maior cara de cenário. Além disto, não lembro de um único edifício comercial em São Paulo onde a recepcionista fica sentada atrás de uma mesa simples, de onde se levanta para acompanhar os visitantes até o elevador.

E como é que esses visitantes não perceberam que o elevador não se mexia? Bastaram os números subindo no visor para convencê-los? Talvez porque não se tratasse de pessoas comuns: foi revelado que eram figurantes, convidados para um teste de seleção. Depois todos receberam cachê e assinaram autorizações para veiculação de suas imagens, é óbvio.

Ainda assim, o susto de alguns (não de todos) parece genuíno. Mas a esta altura nem isto importa mais: o SBT já está surfando na onda de seu novo sucesso. Domingo que vem haverá a exibição de um “making of” e entrevistas com os envolvidos. Além disto, Lívia Padilha –a atriz de 11 anos que interpretou a menina-fantasma-vai participar da vinheta de final de ano da emissora.

O outro caso é bem mais grave, pois pode ter consequências sérias. Como todo mundo já sabe, o apresentador José Luiz Datena negociou ao vivo com um sequestrador durante seu programa “Brasil Urgente” (Band) na quarta-feira passada, e conseguiu que o sujeito se entregasse à polícia sem ferir suas vítimas, ninguém menos que sua mãe e sua irmã. A cena também repercutiu no mundo inteiro.

Um final feliz e uma façanha e tanto para o apresentador, não é mesmo? Sim, mas não é só isto. O próprio Datena abandonou o programa ainda no ar, logo depois da negociação, dizendo-se exausto.

Na mesma noite, declarou-se arrependido. Ele não deixa de ter razão: não é sua função fazer o trabalho da polícia, ainda que a pedido desta. E já pensou se as coisas tivessem dado errado?

Ah, e tem mais: já pensou se a moda pega? Daqui a pouco, qualquer maluco apanhado em flagrante vai exigir aparecer ao vivo na TV. Pode até render momentos dramáticos e muitos pontos no Ibope, mas também pode machucar muita gente (haja visto o caso Eloá).

Vivemos num tempo em que tudo é espetáculo, em que as fronteiras entre ficção e realidade se tornam cada vez mais tênues. O que vale é aparecer, não importa como. Até aí tudo bem. Mas tudo se complica a partir do momento em que as pessoas são enganadas, ou até mesmo coisa pior.

Fonte: F5 Por Tony Goes

De olho no público cristão, Feira Internacional Cristã prevê reunir 200 mil pessoas em 2013

Presidente da GEO, Leonardo Ganem e o Diretor da FIC, Junior Monteiro

Depois de produzir eventos como o Troféu e Festival Promessas, a GEO dá mais um passo no segmento gospel e lança a Feira Internacional Cristã (FIC). O objetivo do evento é resgatar e valorizar o meio através da união de empresas do mercado gospel e secular, ministérios e fiéis e mídias, além da troca de conhecimento e geração de oportunidades.

A FIC acontecerá de 17 a 20 de julho de 2013 e a expectativa é receber cerca de 200 mil pessoas nos quatro dias de feira. Durante estes dias, serão promovidas palestras, exposição de produtos e serviços do segmento, além da participação dos mais importantes líderes do meio.

Público – Voltado para livreiros, lojistas, editoras, gravadoras, distribuidoras, lideranças e público em geral, o evento será uma oportunidade para novos negócios, repercussão na mídia, abrangências e desdobramentos, fomentando o meio Cristão com integridade e divulgação.

“A GEO, como plataforma de eventos ao vivo das Organizações Globo, tem o compromisso de se comunicar com todo o publico brasileiro. Não seria diferente com os evangélicos, que hoje representam uma grande parcela da população do país”, afirma Leo Ganem, presidente da GEO.

Espaço – Além da área de exposição, os visitantes contarão com um conteúdo especial e renovado com o congresso. Os auditórios irão receber palestras dos mais renomados líderes brasileiros e convidados internacionais, e também inúmeros assuntos de interesse do segmento evangélico.

A GEO, empresa de eventos ao vivo das Organizações Globo, será a responsável pela organização e produção da feira. Com a expertise de outros eventos como Festival Promessas, Troféu Promessas, Lollapalooza, Billabong Rio Pro, Expo Money, entre outros, a empresa acredita que pode levar aos evangélicos uma feira inédita, que envolverá os diversos ministérios e segmentos do meio evangélico.

SERVIÇO:

Local: Pavilhão Vermelho – Expo Center Norte

Informações para imprensa – (11) 2344-4200

Fabiane Abel – fabiane.abel@geoeventos.com 

Juliana Carvalho – juliana.carvalho@geoeventos.com

 

“A sós”, por Jeverton “Magrão” Ledo

Correria, conflitos, buzinas, filhos, caos, tarefas, você, trabalho, eu… 

Tudo tem seu tempo certo, já dizia Salomão

Interessante como passamos a maior parte de nosso tempo “ligados em 220 volts”. É tanto barulho que não nos encontramos mais com o silêncio da alma, habitat de nossas emoções e sentimentos. Você tem tempo com você mesmo? Tem estado com Deus?

No silêncio, seja ele contemplativo ou reflexivo, temos verdadeiros encontros com nossa essência. Jesus teve momentos a sós, momentos do mais profundo silêncio interior. O que será que se passava internamente com o filho de Deus? Essa pergunta não é pertinente em dias como os nossos? Ando acordando na madrugada e fico em silêncio como que buscando me conhecer, entender o real propósito de minha caminhada, o que tenho feito com meus dias e o que os quarenta anos de idade me ensinaram. Você já viajou assim?

E Jesus, o filho de Deus, precisava se conhecer e entender sua caminhada? Terá a “solidão” um lado bom? O exercício de ficar sozinho traz benefícios? Jesus deixa claro que sim, afinal de contas o mestre cumpriu sua missão. E nós, os ligados na tomada do imediatismo, temos decifrado o enigma da nossa existência?

Silenciar e olhar para dentro de si requer um desejo profundo de dar sentido a vida. Entender o que temos que cumprir é tarefa individual, acontece em encontros pessoais, nos momentos em que tudo parece ter sumido de nossas vistas e a vida parece não ter sentido nenhum. É nessas horas que, assim como Jesus, nos entregamos e compreendemos que a estrada continua. A vida nos chama a compartilhar e descobrir a cada instante algo novo, inspirador e que, como um belo quadro que parte de uma tela em branco nas mãos do artista, se revelará uma obra de arte.

(*) Jeverton “Magrão” Ledo é missionário, autor de “Minha Escolha Profissional — o que Deus tem a ver com isso?” (Editora Vida)

Foto: Pensamento Fascinante

[Fonte: Extraído da Ultimato Jovem]

 

Altas Horas com Thalles Roberto. Cantor grava programa da TV Globo, que vai ao ar dia 08/12

Divulgação

Thalles Roberto, durante gravação do programa Altas Horas, da TV Globo

Depois da polêmica promoção da limousine, vem a bonança, certo? Pelo menos é o que estão comentando por aí sobre o episódio envolvendo o músico Thalles e uma agência de eventos.  A assessoria do cantor disparou para a imprensa comunicado sobre o fato, colocando fim à polêmica que, para muitos, ainda não foi esclarecida. Ah, a bonança. Já íamos nos esquecendo… Na última semana o cantor e pastor Thalles e toda sua banda gravaram participação no programa Altas Horas, de Serginho Groisman, da TV Globo.  Thalles foi convidado pelo apresentador com que fez amizade durante sua passagem pela banda mineira, Jota Quest.

“Eles se conheciam dos tempos em que esteve no Jota Quest e havia se apresentado com eles no Altas Horas”, lembra a assessoria do cantor. “Participar do Altas Horas foi uma experiência única. Vejo não como uma porta que se abriu para o ‘Thalles’, mas, para o povo de Deus. No auditório haviam pessoas cantando as músicas e isso me surpreendeu”, considera o cantor.

Canções carimbadas no meio gospel e também no secular como “Deus da minha Vida” e “Arde outra vez” forame executadas durante a entrevista. “Fui muito bem recebido tanto pelo Serginho e convidados, quanto pelo público e funcionários da TV Globo, que diziam que já conheciam as músicas. Foi muito especial. Glória à Deus”.

Quando vai ao ar e Altas Horas

O programa gravado vai ao ar dia 8 de dezembro (na madrugada de sábado para domingo). Também participaram do programa o piloto Rubens Barrichello, o cantor Alejandro Sanz, o humorista Marcelo Adnet, o ex-jogador Dunga e o ator Ricardo Tozzi. Apresentado por Serginho Groisman, o programa Altas Horas está no ar há 12 anos, sempre às 1h10 da madrugada de sábado para domingo. “Você não vai perder, né? Convide os amigos e familiares para assistirem mais uma vez o nome de Deus ser exaltado na televisão brasileira”, convida Thalles.

[Colaborou com Conteúdo,  Elisandra Amâncio | @elis_amancio] 
 

MPE desmantela cúpula da Igreja Cristã Maranata no ES. Igreja contesta investigações

Documentos levados para serem analisados por promotores, em Vila Velha

O escândalo na Igreja Cristã Maranata ganha amplitude nacional, 26 pessoas são suspeitas de participar do esquema de desvio de dinheiro.

A Justiça Estadual afastou toda a cúpula da Igreja Cristã Maranata no Espírito Santo, nesta segunda-feira (26). Vinte e seis pessoas são suspeitas de participar de um esquema que desviou dinheiro do dízimo dos fiéis. De acordo com o Ministério Público Estadual (MP-ES), que investiga o caso por meio da operação “Entre Irmãos”, esse desvio pode ultrapassar R$ 21 milhões.

No mesmo dia, investigadores estiveram na sede administrativa da Maranata, em Vila Velha, na Grande Vitória, e apreenderam diversos documentos, que serão analisados por promotores. Por meio de nota, a igreja disse que “acredita que todos os pontos da investigação serão apurados devidamente pela Justiça” e que vai colaborar com as investigações.

Os suspeitos tiveram os bens bloqueados e terão que disponibilizar dados bancários e fiscais aos investigadores. De acordo com o MP-ES, a fundação recebeu R$ 1,8 milhão entre 2005 e 2011, sendo um deputado o maior doador: com R$ 860 mil repassados. As investigações ainda apontam o nome de outros parlamentares como doadores.

As quantias foram repassadas à fundação por meio de emendas parlamentares, uma forma que os deputados têm de definir para onde vai o dinheiro do governo. A suspeita é de que essas doações sejam com dinheiro desviado.

Outro Lado

O que a Igreja diz:
A Igreja Cristã Maranata informou, por nota, que “recebe com serenidade a ação realizada pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo na manhã desta segunda-feira e acredita que todos os pontos da investigação serão apurados devidamente pela Justiça”.

“A igreja avalia que esta será uma importante oportunidade para que as dúvidas levantadas a respeito da idoneidade da instituição e dos seus gestores sejam eliminadas de uma vez por todas. Da parte da Igreja Cristã Maranata, desde que surgiram as primeiras denúncias internamente, todas as medidas necessárias e cabíveis foram tomadas. Da mesma forma, à época, colocou-se proativamente, à disposição das autoridades, levando até as mesmas as denúncias e solicitando a averiguação dos fatos. A Igreja Cristã Maranata reafirma a sua disposição em contribuir para o esclarecimento das denúncias e a sua confiança no trabalho do Ministério Público e da Justiça”, diz a nota.

Operação cumpriu mandados na Grande Vitória “Entre Irmãos”

Operação 'Entre Irmãos' cumpriu mandados na Grande Vitória

Operação ‘Entre Irmãos’ cumpriu mandados na Grande Vitória

O MP-ES deixou a sede administrativa da Igreja Maranata, nesta segunda-feira, após nove horas do início da operação “Entre Irmãos”. O órgão procura indícios que comprovem um suposto esquema de desvios de dinheiro do dízimo, além de lavagem de dinheiro, falsificações de documentos e ocultação de bens da igreja. No total, 12 mandados de busca e apreensão foram cumpridos neste dia.

Pela manhã, eles também recolheram documentos na Fundação Manoel Passos Barros, na Serra, na região Metropolitana, entidade mantida pela Maranata. O órgão disse que há indícios de desvio até de emendas parlamentares destinadas à fundação.

As investigações da operação “Entre Irmãos” começaram em fevereiro deste ano. O MP-ES afirmou que os desvios aconteciam por meio de pagamentos feitos com notas fiscais ilícitas. Ao mesmo tempo, a Polícia Federal realizou outra operação, que também tem como alvo a Igreja Maranata, mas essas investigações correm em segredo de Justiça.

Agora, o Ministério Público segue com as investigações através do depoimento de testemunhas, eventuais colaboradores e membros da Igreja que tenham informações de irregularidades na gestão. Foram notificadas 26 pessoas para prestarem esclarecimentos a partir dos próximos dias. Outros colaboradores que quiserem auxiliar nas investigações podem entrar em contato com a instituição por meio dos promotores de Justiça do Gaeco, ou pelo telefone 127, da Ouvidoria do MPES, que recebe denúncias sem a necessidade de identificação.

 

Fonte: Amigo de Cristo com informações do G1

 

Ex Bispo da Igreja Universal, envolvido no mensalão é condenado a 6 anos e 3 meses pelo STF

Ex Bispo da Igreja Universal envolvido no mensalão é condenado a 6 anos e 3 meses pelo STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) definiu nesta segunda-feira (26) a pena do ex-deputado do extinto PL (atual PR) Bispo Rodrigues, condenado no processo do mensalão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A pena foi de 6 anos e 3 meses de prisão, mais multa de R$ 696 mil, o equivalente a 290 dias-multa.

Carlos Alberto Rodrigues Pinto é acusado de ter recebido R$150 mil do chamado “valerioduto”, o dinheiro era oferecido em troca de apoio no Congresso durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Pelo crime de corrupção passiva os ministros do STF julgaram por 3 anos de reclusão mais multa de R$360 mil. Pelo de lavagem de dinheiro a pena foi de 3 anos e 3 meses de reclusão e a multa de R$336 mil.

O advogado de defesa chegou a pedir a redução da pena do bispo Rodrigues por ele ter confessado o recebimento de dinheiro. Mas o relator da ação, o ministro Joaquim Barbosa, indeferiu o pedido.

Rodrigues era um dos braços direito de Edir Macedo, se elegeu como deputado federal em 1999 e foi reeleito em 2004, ano em que perdeu o cargo na igreja.

O nome do ex-bispo foi citado em diversos casos de corrupção, entre eles o Escândalo dos Bingos e a Máfia dos sanguessugas. Em setembro de 2005 ele renunciou ao cargo depois que o mensalão veio à tona.

As informações são do G1/ Via Gospel Prime

 

Comente esta notícia.

 

De viciado em drogas a vereador, Irmão Waldiney é eleito em Montes Claros

Ele pretende construir um centro de recuperação de dependentes químicos. O vereador ficou conhecido por fazer propaganda volante em Montes Claros

Vereador eleito com 2.653 votos quer ajudar
dependentes químicos a largar o vício
(Foto: Thiago França/G1)

“Eu não me amava. Esqueci do mundo e de mim”. A declaração é do vereador eleito em Montes Claros (MG) pelo PHS, Waldiney da Silva, de 34 anos. O irmão Waldiney, como é conhecido, falou ao G1 sobre os 10 anos em que foi dependente químico.

Ele começou a consumir drogas aos 15 anos de idade, passou por quatro centros de recuperação e chegou a morar na rua durante um mês.Waldiney chegou a ter uma overdose e sofreu uma parada cardíaca. A última vez que consumiu drogas foi em 2004. “Foi quando tudo começou na minha vida. Eu falei com Deus que eu iria mudar”, conta.

Ele começou a frequentar uma igreja evangélica e sentiu que sua vida começou a ser transformada.”Troquei a minha família e meus sonhos sonhos pela droga. Fui morar nas ruas, não por falta de casa ou comida, mas porque eu não não gostava de mim”, revela. O vereador eleito conta que o pai foi um dos responsáveis por fazê-lo largar o vício. “Ele falava comigo: “Deus vai te dar força, você vai sair dessa’. Ele me ajudou muito”.

Tem muita gente precisando de oportunidade para mudar de vida ”

Irmão Waldiney, vereador eleito

O Irmão Waldiney se casou e começou a trabalhar com propaganda volante pelas ruas de Montes Claros, foi quando passou a ser conhecido e a conhecer a realidade dos bairros carentes da maior cidade do Norte de Minas.

Ao receber um convite do presidente do Partido Humanista da Solidariedade (PHS), resolveu concorrer ao cargo de vereador. Um dos motivos, segundo ele, foi a vontade de criar um centro de recuperação para dependentes químicos. “Tem muita gente precisando de oportunidade para mudar de vida. Qualquer ser humano pode dar a volta por cima”, destaca.

O vereador eleito também promete trabalhar para melhorar a saúde na cidade e é a favor da construção do hospitaldo trauma e regional. Ele afirma ainda, que a região do córrego das Melanciais precisa de asfalto, de estrutura para quem pratica cooper. “Vou atuar junto com o prefeito e os outros vereadores para revitalizar aquela região”.

%d blogueiros gostam disto: