Evento da IURD em Angola acaba com 16 mortos

Imagem de um templo da Igreja Universal em Luanda

Imagem de um templo da Igreja Universal em Luanda (Gianluigi Guercia/AFP)

Vítimas morreram esmagadas e asfixiadas em portão de vigília evangélica

Ao menos 16 pessoas morreram e 120 ficaram feridas ao tentar entrar em um estádio superlotado de Luanda, capital de Angola, para uma vigília evangélica organizada pela Igreja Universal do Reino de Deus para comemorar a virada do ano. Segundo a agência Angop, um porta-voz do serviço de emergências disse que as vítimas, incluindo quatro crianças, foram esmagadas contra os portões do estádio Cidadela Desportiva.

Ferner Batalha, bispo-adjunto da Universal em Angola, reconheceu que a vigília estava superlotada. “Nossa expectativa era de 70.000 pessoas, mas o número foi muito maior”, disse ele, segundo a Angop. Batalha disse que a Igreja Universal havia alertado as autoridades e pedido a colaboração da Cruz Vermelha para organizar sua vigília.

Segundo o porta-voz da Defesa Civil, Faustino Sebastião, citado pela Angop, as vítimas morreram pisoteadas e asfixiadas pela multidão na entrada do estádio Cidadela Desportiva, que teve apenas dois de seus quatro portões abertos.

A tragédia é a segunda de qual se tem notícia no ano novo, já que outro tumulto deixou pelo menos 60 mortos e mais de 200 feridos ao fim de um espetáculo de pirotecnia na capital econômica da Costa do Marfim.

Fonte: Veja.com 

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: